Inscrições onlineRenovações online Contactos Ala AirSoft
 ALA
 Airsoft
 Documentação
 Associados
 Regulamentos
 Serviços FPA





Tiro Prático - Regras Básicas
Compilação resumida das regras mais elementares do tiro prático. Não está por dentro do TPA? Comece por aqui.

Novo no tiro prático de airsoft? Este documento serve como introdução a esta modalidade desportiva de tiro real, hoje adaptada ao Airsoft nacional pela FPA mediante o regulamento da IAPS. Abaixo encontram-se os pontos mais importantes desta prática, os quais devem ser lidos com atenção e respeitados com seriedade. Contudo, a leitura deste documento não dispensa a consulta do Regulamento da IAPS, já disponível em Português.

Novas Regras Admissão

A partir de 2008 a FPA irá impor novas situações aos atletas que queiram participar nas provas oficiais. Assim, e de forma resumida, a admissão sofrerá as seguintes condicionantes:

  1. Apenas serão aceites sócios da FPA
    O Tiro Prático de Airsoft é uma modalidade desportiva exclusiva da FPA e agora restrita a sócios FPA.
  2. Não serão permitidas inscrições na hora
    Todos os atletas interessados vão ter de se inscrever préviamente. No local não existirá possibilidade de fazer inscrições à última da hora.
  3. Cada atleta tem de tirar uma licença de atirador IAPS
    A licença de atirador é um novo requesito que consiste na própria inscrição do atleta no campeonato. A inscrição é feita antes das provas e é única para todo o ano (pagamento único). O atleta receberá um cartão com um código, podendo esse ser utilizado na submissão dos seus resultados para os rankings mundiais da IAPS.
  4. Restrição da pistolas Gas Blow Backs
    Isto significa que pistolas eléctricas e pistolas gas non-blowback não são permitidas em competição.
  5. Cada pistola é registada com o atirador e não pode se emprestada ou trocada durante a prova
    Cada atirador deve registar a sua pistola e esta deverá acompanhá-lo durante toda a prova. Em casos específicos de necessidade de troca, esta deve ser feita mediante consulta ao Range Master e aprovada pelo mesmo. Empréstimos de armas entre atletas não serão permitidos.
  6. Toda e qualquer falha mecânica é da responsabilidade do atirador
    As repetições das pistas por falta de BBs, falta de gás ou encravamento mecânico, não serão feitas. O atirador deve tentar resolver o problema e finalizar a pista, ou optar por desistir.
  7. Obrigatoriedade de 2 carregadores
    Todos os atiradores devem ter, pelo menos, dois carregadores. Irão haver pistas mais longas do que no ano passado e existirá a necessidade de mudar de carregador dos shoot-offs.

Novo sistema de faltas

Este ano entrará em vigor um sistema de faltas cuja acumulação resulta em penalizações nas pistas. Estas faltas, previstas no regulamento IAPS, podem ser atribuídas pelos Range Officers dentro ou fora da pista. O desconhecimento destas regras não constitui num motivo para haver tolerância.

Regras de Segurança

O tiro prático de airsoft é uma modalidade aliciante, divertida e com imenso potencial, permitindo elevar a capacidade de reflexos e da pontaria do participante. Embora esta seja uma adaptação para Airsoft da vertente real, existem muitas regras de prevenção que, embora atenuadas, necessitam de serem cumpridas para manter o nível de exigência que a FPA deseja, e garantir a máxima segurança dos praticantes, corpo de arbitragem e assistência:

  1. A arma deverá permanecer no coldre SEM carregador em todo momento até o atirador começar a sua participação em cada pista.
    A organização deverá disponibilizar uma zona segura no local da prova para os participantes poderem testar as suas armas. Qualquer uso ou manuseamento das mesmas fora de este local terá como consequência a desclassificação do atirador.
  2. Os atiradores deverão usar em todo momento protecção ocular adequada dentro do local da prova.
  3. Os atiradores poderão carregar Gás e BB’s em qualquer lugar do local, desde que a organização não especifique um área própria para tal efeito. Esta situação presume que a pistola esteja permanentemente no coldre.
  4. Uma vez tenha dado começo a prova, só um atirador de cada vez e o Range Officer poderão estar dentro dos limites da pista.
  5. Durante a prova, os atiradores não poderão quebrar os ângulos de segurança, isto é, não poderão apontar com a sua arma fora de um ângulo de 90º a cada lado (isto é, 180º quando olhando para o fundo da pista), sob pena de desclassificação imediata da prova inteira (todas as pistas serão anuladas).

Regras Básicas de Participação

Eis as regras mais basilares que o participante deverá obedecer durante o desenrolar das provas, nas imediações respectivas controladas pela supervisão dos clubes e da federação:

  1. O atirador deverá obedecer em todo momento as ordens do Range Officer.
  2. Antes do começo de cada Pista, o Range Officer deverá dar um “briefing” de maneira a esclarecer os pormenores da mesma e qualquer duvida que possa surgir por parte dos atiradores.
  3. O atirador deverá começar cada pista da caixa de saída, com a arma no coldre e sem carregar. A continuação, o Range Officer dará começo com as seguintes ordens:
    - “…Load and make ready…” : O atirador deverá proceder a tirar a sua arma do coldre e, sempre apontando numa direcção segura, carregar a mesma, deixando-a pronta a disparar e com todas as seguranças activadas, introduzi-la novamente no coldre.
    - “… Shooter,.. are you ready?...” Perante resposta afirmativa ou ausência da mesma, o Range Officer dará por suposto que o atirador está pronto e a prova pode começar. Caso o atirador não esteja pronto, deverá fazer saber o mesmo ao Range Officer neste momento.
    - “… Stand-By!!!...” Apartir deste momento o cronómetro está activado, e a prova dará começo num intervalo aleatório de entre 2 e 5 segundos com um som audível.
  4. O atirador deverá completar o percurso segundo foi explicado no briefing inicial, efectuando no mínimo dois disparos por alvo de cartão e um por alvo metálico, podendo efectuar mais se assim o achar necessário. O último alvo a ser atingido deverá ser necessariamente a placa que para o cronómetro, visivelmente identificada como tal, e que dará fim à prova. Qualquer disparo posterior dará lugar a imediata desclassificação do atirador nesta pista e à anulação da sua pontuação na mesma.
  5. A continuação, o atirador deverá permanecer de face ao fundo da pista, com o dedo fora do gatilho e SEM QUEBRAR OS ANGULOS DE SEGURANÇA, à espera das ordens do Range Officer:
    - “…If you’re finished, unload and show clear…”: O atirador deverá proceder a retirar o carregador da sua arma, puxar a corrediça para trás e mostrar ao Range Officer que a arma se encontra vazia.
    - “ …Hammer down!!!...” : O atirador, apontando para o fundo da pista, deverá puxar o gatilho de maneira a abater o cão da sua arma e a deixar em segurança.
    - “… Holster!!!...” : O atirador deverá introduzir a sua arma no coldre.
  6. Unicamente uma vez cumprido o anterior procedimento, o atirador poderá deixar de olhar para o fundo da pista e abandonar a mesma.

Pontuação

Ver página dedicada às pontuações.

Número de visualizações deste documento: 14424


_________________________________________
voltar | início

Associação Lusitana de Airsoft 2005-2013
A Associação Lusitana de Airsoft é uma Associação de Promoção Desportiva cuja publicação consta no Nº65 da III Série do D.R., a 4/04/2005, sob a denominação de Federação Portuguesa de Airsoft.
Última rectificação estatutária a 12/08/2011.
A reprodução parcial ou integral desta página web sem o consentimento da Associação Lusitana de Airsoft, assim como a utilização do nome e logótipo oficial, está expressamente proíbida.